Skip to content

A Rebelião de Robert

dezembro 19, 2011

wpid-robert-vs-rhaegar-a-song-of-ice-and-fire-3420624-936-685-2011-12-18-21-44.jpg

A Rebelião de Robert, também conhecida como a Guerra do Usurpador, foi uma rebelião contra a Casa Targaryen, principalmente instigada por Robert Baratheon, Eddard Stark e Jon Arryn. A guerra resultou no fim da Dinastia Targaryen nos Sete Reinos e no princípio do reinado de Robert Baratheon.

O conflito começou quando Brandon Stark, que estava para se casar com Catelyn Tully, soube que a sua irmã Lyanna, tinha sido raptada por Rhaegar Targaryen.
Apesar do pedido do Lorde Tully para paciência, Brandon foi a Porto Real.
Em Porto Real, ele foi a Fortaleza Vermelha gritando para o que Príncipe Rhaegar aparecesse porque ele o queria matar.

Rei Aerys II mandou prenderem o Brandon por ameaças ao Príncipe Real, e convocou Rickard Stark, pai de Brandon e Lorde de Winterfell, a Porto Real para lutar num julgamento por combate pela traição do seu filho. Aerys matou Brandon e Rickard Stark mais duzentos dos melhores soldados de Winterfell.

Juntamente com os Stark, os companheiros de Brandon, Jeffory Mallister, Kyle Royce, e Elbert Arryn (sobrinho e herdeiro do Lorde Jon Arryn do Vale), foram acusados de traição, e quando os seus chegaram a Porto Real para responder pelas indiscrições dos seus filhos, foram todos mortos depois de rápidos julgamentos pelo Rei Aerys.
Ethan Glover, o escudeiro de Brandon, não foi morto com os seus companheiros.
Quando o Rei ordenou ao Lorde Arryn lhe entregasse Robert Baratheon e Eddard Stark, para que eles também fossem executados, o Lorde Arryn ergueu as suas bandeiras em revolta. Contundo muitos dos homens de Jon juntaram-se as forças do Rei, chefeadas por Lorde Grafton, tentaram bloquear a saída de Eddard e Robert do Vale. Mas foram derrotados em Vila Gaivotas. Quando voltaram as suas terras ele convocaram os seus homens para a guerra.

A Casa Tully juntou-se quando Eddard e Jon casaram-se com Catelyn e Lysa Tully, filhas do Lorde Tully. As Casas Tyrell e Martell continuaram leais ao trono.
Depois de conseguir ganhar a guerra Robert Baratheon tornou-se no Rei e nomeou Jon Arryn como Mão do Rei. Como Lyanna Stark morreu durante o seu rapto, Robert casou-se com Cersei Lannister. Arryn conseguiu negociar pazes com Dorne, e assim os Sete Reinos nomear-no como Rei.

Fonte: Os Livros do Lars

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: